18.7.08

IDÉIAS SEM FRONTEIRAS


Este mês também é comemorativo pra revista Continuum, publicação mensal do Itaú Cultural que completa seu primeiro ano de existência. Entre artigos, entrevistas, textos literários e resenhas a revista aborda diversas temáticas pela perspectiva da arte. Arte que se faz presente nos textos mais livres e autorais, no espaço aberto para o visual e no projeto gráfico que compõe um produto atrativo e consistente.

Na versão impressa e virtual, a Continuum recebe colaborações e tem espaço interativo, dinamizado por constantes contribuições. Cada edição traz uma novidade seja no tema, no visual ou nas imprevisíveis colaborações da “Área livre”, que traz fotografias, ilustrações, textos ou mesmo objetos, pra tornar palpável alguns conceitos do design, como na revista nº 10. É desta seção, da edição nº 12, a imagem que ilustra este post, intitulada “A imagem das mil palavras”, criação de Dimitre Lima a partir das palavras mais utilizadas nas edições de até então.

O rompimento de aparentes paradoxos também é um marco da revista. A começar pela proposta editorial, de produzir um jornalismo cultural de fácil alcance e também reflexivo. Continuum convida a uma percepção dialética da realidade, das relações sociais e suas repercussões nas formas de expressão. Os processos criativos dos artistas, o contraponto da arte com a violência; a cultura na infância, a cultura imaterial; os contrários, as gerações, as “idéias sem fronteiras” já foram temas abordados. Neste mês o assunto gira em torno d’O Simples e o Complexo. Essa e todas as outras edições estão disponíveis para download.

O que está na revista repercute na sede do Itaú Cultural (e vice-versa) onde a teoria se confirma prática e entre exposições, seminários, espetáculos e espaços de convivência, o encontro de diversos acontece e as idéias reverberam. No dia 22 de julho, inclusive, a própria Continuum vai ser pauta do debate 'Arte e Cultura: O Mercado Editorial' que busca refletir sobre o mercado editorial voltado à arte e à cultura no Brasil, políticas e estratégias de sustentabilidade do setor, suas linguagens e conteúdo. Quem não estiver em Sampa pode conferir a transmissão ao vivo no site do Itaú Cultural.

Do ponto de vista institucional, a Continuum é uma estratégia diferenciada que legitima os conceitos defendidos pela própria instituição que, como se registrou na edição de lançamento, “busca a democratização do acesso à cultura e que tem o compromisso de estimular a reflexão, sempre”. Coerência torna o resultado da revista ainda mais interessante. Nesta data querida, votos de continuidade.


imagem de Dimitre Lima

4 comentários:

.,. o que é que eu tenho a ver com isso?.,. disse...

lááále,
me mandou eu vim escutar tudo!
e to toda fru-fru com a diversidade da garota!

provo no meu: http://adoreiobloguete.blogspot.com/

hehehe


adorei a matéria sobre emergência na continuum, velha! tuda a ver com os conceitos da comum, mana... leu já?

Léo disse...

Só queria dizer: "que blog lindo!". Tá lindo Lud o Ora boa!

Luiz Navarro disse...

depois dá uma olhada, lud: http://www.respirando-2008.blogspot.com/

(fotos da carol)

.ludmila ribeiro. disse...

li lá fla-flu! li tudim e também adorei perceber que as nossas regras simples fazem parte de um esquema complexo onde "ninguém atua sozinho, mas todos sabem que estão participando de uma grande estrutura". Inspirou isso e outros improvisos estratégicos que estão por vir né não?

leozito, que bom te ver por aqui! vê se aparece ao vivo também visse? ;)

loise langa que dica ótima, gracias! adoro fotitas!

beijocas procês